Notícias

lixo_1Na Reunião Ordinária do dia 18 de janeiro, o vereador Cleiton de Souza apresentou ao Plenário a indicação nº 027/2021 que solicita ao Sr. Prefeito Municipal que determine ao setor competente da Administração providências no sentido de murar a área de transbordo do lixo na entrada da cidade.As estações de transbordo são pontos de transferência intermediários de resíduos coletados na cidade, criados em função da considerável distância entre a área de coleta e o local de destinação final.Nas estações de transbordo os resíduos coletados pelos caminhões compactadores são descarregados e, depois, colocados em carretas de maior capacidade que levam estes resíduos até o aterro sanitário.O vereador Cleiton justificou sua solicitação assim: O transbordo na entrada da cidade é uma grande poluição visual, causando um impacto negativo a que chega à cidade, manchando assim nossa imagem de cidade turística. Além disso, a medida proposta seria importante para a segurança das cambuquirenses, evitando incêndios como o que ocorreu ano passado, concluiu.

divulgaoVários municípios têm enfrentado problemas de pessoas que estão ‘furando fila’ da vacinação contra Covid-19 e tomando lugar das prioridades definidas no Plano de Vacinação.Para garantir que isso não ocorra em Cambuquira, na Reunião Ordinária do dia 1º de fevereiro os vereadores Hélber Borges e Nei Serafim apresentaram um projeto que prevê a divulgação semanal da lista dos vacinados no Portal da Transparência do Município de Cambuquira.“É uma medida que vai impedir o uso indevido da vacina por parte de autoridades e outras pessoas”, ressaltou o vereador Hélber. “É importante que essa informação seja tratada com transparência”, afirmou o Vereador Nei.O referido PL foi aprovado por unanimidade pelos vereadores na Reunião Ordinária do dia 08 de fevereiro.

atendimento_prioritrioNa Reunião Ordinária do dia 08 de fevereiro, o vereador Marial Cândido Murta Júnior apresentou ao Plenário a indicação nº 079/2021 que solicita ao Sr. Prefeito Municipal que determine ao setor competente da Administração providências no sentido de sejam afixadas em todas as repartições de saúde todas as Leis/Decretos em vigor que determinam o atendimento prioritário de cada enfermidade e/ou faixa etária.Atualmente, a Lei federal 10.048/00 já assegura a pessoas com deficiência, idosos, gestantes, lactantes, pessoas com crianças de colo e obesos direito a atendimento prioritário em repartições públicas e empresas concessionárias de serviços públicos. O descumprimento da medida, segundo o projeto, sujeita o infrator às sanções previstas no Código de Defesa do Consumidor (Lei 8.078/90).Segundo o vereador Marial, há uma cobrança enorme por parte dos cidadãos que são usuários do Sistema Público de Saúde, que desconhecem seus direitos enquanto pacientes. Dessa forma, vejo

rua_2Na Reunião Ordinária do dia 18 de janeiro, o vereador Nei Serafim apresentou ao Plenário a indicação nº 042/2021 que solicita ao Sr. Prefeito Municipal providências no sentido de que seja feita uma extensão da rede de iluminação no cruzamento da Avenida Jary Sérgio de Oliveira com a Rua Maria Luiza Ferreira Bonésio.O vereador Nei Serafim justificou seu pedido dizendo que: “essa medida beneficiará as residências que ainda não dispõem desses imprescindíveis recursos públicos tanto para a melhor qualidade de vida em suas residências, quanto para serem contemplados com a iluminação pública, saindo, assim, da penumbra que se encontram atualmente”.

LEDNa Reunião Ordinária do dia 08 de fevereiro, foi aprovado por unanimidade pelo Legislativo Municipal o Projeto de Lei nº 004/2021, de autoria do vereador Paulo César Lemes, que obriga os novos loteamentos e empreendimentos imobiliários no Município a utilizar lâmpadas de LED (diodo emissor de luz), na rede de iluminação pública.Segundo o vereador Paulo César Lemes, a necessidade mundial de ter um meio ambiente mais equilibrado e saudável tem levado à procura de dispositivos elétricos mais econômicos e eficientes, com menor potencial poluidor.A lâmpada de LED, ao contrário de outros tipos de lâmpadas, não contém mercúrio, elemento nocivo ao meio ambiente, e quase todos os seus componentes são recicláveis. Há também a questão econômica, a lâmpada de LED tem uma durabilidade muito maior e consome menos energia.Assim, o povo cambuquirense só tem a ganhar com a obrigatoriedade do uso de lâmpadas de LED na iluminação pública dos novos loteamentos do Município.No ensejo, o vereador agradeceu o apoio dos nobres vereadores que, entenderam e aprovaram este projeto.

Home
Avenida Virgílio de Melo Franco, N° 471 || Cambuquira / Centro - Minas Gerais / Brasil || 37420-000
Mail camara@camaracambuquira.mg.gov.br Phone (35) 3251-1486 // 3251-2323
Fax

(35) 3251-1486 // 3251-2323