Notícias

igreja_noiteParabéns Cambuquira por seu 102º Aniversário de Emancipação Político-Administrativo.

Dia 12 de maio às 22 horas, em frente ao Parque das Águas show com Oswaldo Montenegro, "o grande trovador moderno da MPB".

 

 

Vereadores Roginaldo, Fabrício e rejenyA Câmara Municipal de Cambuquira, através de suas Comissões Permanentes realizou no dia 13 de abril uma audiência pública com o intuito de dar conhecimento e colher sugestões da população no processo de aprovação do Projeto de Lei nº 108/2011 do Executivo, que dispõe sobre a Proteção, Preservação e Promoção do Patrimônio Cultural de Cambuquira/MG, cria o Fundo Municipal de Proteção do Patrimônio Cultural, cria a Divisão Municipal de Patrimônio e dá outras providências.

MOSCAS DAS FRUTAS

 É comum, tanto em lavouras como também em pomares de fruteiras, o aparecimento de frutos deformados, manchados em volta de orifícios, amadurecimento parcial e queda de frutos antecipados.
 O grande causador desta ocorrência nas fruteiras é a moscas das frutas, caracterizadas, em sua maioria, por insetos, parecidos com as moscas domésticas, mas de asas "retas" e com vários desenhos desuniformes na mesma.
 A mosca faz a perfuração da casca da fruta e deposita o seu ovo, quando as mesmas se desenvolvem dentro do fruto, provoca um violento desbalanço hormonal, o que causa, por sua vez, amadurecimento desuniforme e termina com as manchas pretas e moles na região afetada e queda precoce do fruto
 Os frutos podem apresentar deformações e manchas nos locais onde as fêmeas perfuram para colocar o ovo. Nesta entrada, aparecem microorganismos como fungos e bactérias, que levam o apodrecimento da fruta.
 Devido à importância econômica das moscas das frutas para a produção de frutas de valor comercial, tais como manga, goiaba, uva, melão, mamão, laranja, ponkan, pêssego, nêspera, maçã e etc.., surgiu a necessidade de um controle para o inseto. O controle, simples, barato, eficiente e seguro é através da armadilha para a captura.

ARMADILHA

 Para fazer esta armadilha, é necessário apenas:

* 01 garrafa PET (garrafa de refrigerante de dois litros);

SOLUÇÃO

 * 113 ml de água;
 * 37 ml de vinagre de vinho ou suco de uva ou suco de laranja.
OU
 * 75 ml de suco de outras frutas;
 * 75 ml de água.

PREPARAÇÃO

 Fazer quatro furos de 5 cm na parte mediana da garrafa PET e inserir a solução no seu interior.

LOCAL DE INSTALAÇÃO

 Coloca-se no interior da copa da árvore, protegida do sol, sendo que somente uma armadilha para cada cinco plantas. Se a infestação for grande, colocar duas para cada cinco plantas. Cada armadilha deve ter solução de 150 ml, no máximo.

DÚVIDAS

 Entrar em contato com o Eduardo, no escritório da Emater MG, na Prefeitura Municipal.
Eduardo Silva Moreira
Extensionista Agropecuário da Emater

Sede da Câmara MunicipalO Presidente da Câmara Municipal de Cambuquira, “Juninho Coelho” participou no dia 5 de abril da marcha em defesa da votação do novo Código Florestal.  A ação promovida pela CNA - Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil tem como principal objetivo chamar a atenção da sociedade e pressionar os parlamentares para aprovar o projeto que redefine a política ambiental brasileira e cria novas regras de áreas de preservação ambiental e de reserva legal para as propriedades rurais do Brasil.

Presidente da Câmara "Juninho Coelho", Prefeito "Kaka" e os vereadores Paulo César e CelsoO dia 15 de abril será lembrado por muito tempo para muitasComposição da Mesa de Trabalho

 famílias cambuquirenses, pois, nesta data o Sr. Prefeito Municipal “Kaka” assinou com a Caixa Econômica Federal o convênio para a construção das primeiras casas populares da história de Cambuquira.

A Câmara Municipal faz parte desta conquista, pois, aprovou o Projeto de Lei nº 031/2009 que autorizava a compra do terreno localizado no Parque São João, pelo Executivo Municipal, para a construção das tão sonhadas casas populares.

Home
Avenida Virgílio de Melo Franco, N° 471 || Cambuquira / Centro - Minas Gerais / Brasil || 37420-000
Mail camara@camaracambuquira.mg.gov.br Phone (35) 3251-1486 // 3251-2323
Fax

(35) 3251-1486 // 3251-2323