Fita-quebra-cabecaEm Cambuquira, está em vigor uma nova legislação obriga os estabelecimentos públicos e privados a inserirem nas placas de atendimento prioritário o símbolo mundial do autismo.Com a lei, que passou a vigorar no dia 29 de novembro deste ano,

os locais públicos e privados da cidade devem incluir o símbolo mundial nas placas de atendimento preferencial.O novo símbolo, que é uma fitinha colorida com estampa de quebra-cabeça, representa o mistério e a complexidade do autismo.O projeto que se tornou lei é de autoria do vereador Isaque Bernardes da Silva e foi aprovado por unanimidade pelo plenário da Câmara. “Muitas mães nos procuraram para que pudéssemos regulamentar essa lei no município. A maioria passa transtornos devido à agitação do portador de autismo. A mãe se sente constrangida, muitas vezes sai chorando do estabelecimento por não ter uma prioridade”, conta o vereador.O vereador está pedindo à Prefeitura mais divulgação para que os estabelecimentos sejam informados a aderir à lei. A idéia principal é conscientizar sobre o autismo e não punir.Segue, na íntegra, cópia da Lei nº 2473 devidamente sancionada pelo Prefeito Municipal; Fabrício dos Santos Simoni.