Palavra do Presidente

O começo de um novo ciclo sempre vem recheado de expectativas. Para o brasileiro, que sofreu bastante nos últimos anos, a esperança de tempos melhores não é à toa, ela tem base concreta, e em indicadores positivos. Mas o panorama geral acena que a melhora na atividade econômica virá acompanhada de turbulências típicas de um ano eleitoral.A cada ano eleitoral espera-se por algo melhor. Espera-se que as deficiências atuais sejam corrigidas, que as condições básicas para se viver estejam com qualidades compatíveis aos inúmeros impostos, e que o direito de ir e vir se torne, de fato, um direito de liberdade, com condições de mobilidade, acessibilidade e segurança. Neste período eletivo, observaremos nos noticiários, articulações e comentários políticos sobre alianças, sobre apoios diversos, sobre filiações, sobre o que foi feito, e ainda sobre o que poderá ser feito, acendendo no fundo a nossa esperança. Por outro lado, os eleitores atentos estão observando o movimento eleitoral, e para a maioria, se acende no íntimo uma profunda esperança de mudança no infinito de possibilidades, idéias, projetos e propostas a se realizar. Mesmo observando um país preso em uma areia movediça de corrupção e desrespeito ao povo e alguns políticos tendenciosos, a esperança e os sonhos do eleitor por um dia melhor se tornam um combustível para ações e estratégias para se aproveitar. Observamos que as condutas da maioria dos políticos estão desestimulantes, sendo oportunistas, interesseiros, ardilosos e famintos de poder, além de muitos deles, sem o mínimo perfil de gestor, com uma falta de ação e participação quase inexistente, enquanto as pessoas estão sofrendo em filas dos serviços básicos de saúde, sendo massacradas em um sistema de transporte arcaico e desumano. Isso vem massacrando os sonhos e as esperanças da nossa vida. É o momento de todos, sem exceção, repensarmos sobre as nossas condutas para não nos iludirmos e nem deixar de fazer algo pelo próximo, na esperança de um dia melhor, e por que não, de um político melhor, já que meu erro influenciará a todos. E esperar que os políticos não tratem a vitória nas urnas como uma contemplação lotérica, e que tragam sempre em mente que o pleito eletivo traz mais responsabilidade com a vida humana do que com poder e autoridade, e o que ficará é o seu legado. Inicia-se o momento de reflexão, crítica e esperança de dias melhores. Um momento de análise do interesse e do bem comum. E tudo isso só depende de nós, através de uma boa escolha que envolva pesquisa da capacidade do candidato, com especial atenção ao que foi feito por ele no passado, pois o histórico político ou não pode ser crucial para sua decisão, principalmente para aquele que nunca fez nada e sem capacidade. É o momento de análise, pois devemos fazer boas escolhas agora, ou continuar vivendo apenas na esperança de dias melhores.*=*=*=*=*=*Dia 8 de março, próximo passado, comemorou-se o Dia Internacional da Mãe, esposa, avós, filhas, tias, primas, amigas. Somos cercados de mulheres em nossas vidas. Fortes, guerreiras, independentes, responsáveis, doces, amorosas e zelosas, elas conseguem ser isso tudo e ainda mais! Muitas vezes, na correria do dia a dia, esquecemos de reconhecer a verdadeira essência que existe nelas, que sabem com toda a sabedoria dominarem papéis diversos – e conseguem administrá-los com maestria."Eu sou aquela mulher que fez a escalada da montanha da vida removendo pedras e plantando flores." (Cora Coralina)Parabéns a todas as mulheres!Paulo César lemes - Presidente


A Câmara Municipal através de seu Presidente e Vice, Paulo César Lemes e Cleiton de Souza realizou a doação de equipamento de informática para a Polícia Militar; Destacamento Cambuquira/MG. A entrega aconteceu na sede da PM e contou com a presença dos vereadores mencionados acima, do Comandante do Destacamento Sargento Giovani e Cleverson da Makros Informática.Este ato tem por finalidade a melhoria no atendimento da Polícia Militar à nossa comunidade. O equipamento foi adquirido com recursos dos próprios vereadores.
Parece mentira, mas já é Natal. O tempo passou sem que nos déssemos conta. Tantas coisas que temos a fazer queremos fazê-las ainda este ano, talvez não tenhamos tempo. Ficamos aflitos, transtornados e inconformados, mas o ano acabou, já e Natal.Precisamos, então, planejar o novo ano que se aproxima. Novos desafios estarão a nossa espera. Mas precisamos antes de tudo, fazer um balanço das nossas ações. Certamente, na correria do nosso cotidiano, sem perceber, deixamos a desejar em alguns momentos. Seja no nosso trabalho, na nossa família ou na sociedade. O certo é que ninguém é perfeito.Reconhecer erros é virtude de poucos, mas é a ferramenta de muitos que obtiveram sucesso em suas carreiras. Desta forma, penso que cada um de nos deva fazer uma reflexão neste momento.Como Presidente da Câmara Municipal, dediquei grande parte do meu tempo em benefício da coletividade. Fazendo um balanço das nossas ações, pude constatar o quanto nosso trabalho envolve-se com a comunidade, buscamos atender os interesses de todos os cambuquirenses, não é fácil.Foram muitas as ações coroadas de êxito e algumas não. Outras ainda estão por vir. Mas o certo é que poderemos errar nas nossas ações, mas nunca por omissão.Que Deus perdoe nossos erros, que nos dê força e entusiasmo para que possamos iniciar um novo ano com muita Paz, Saúde e Prosperidade.Feliz Natal e um 2018 de muitas realizações.Paulo César Lemes - Presidente

Home
Avenida Virgílio de Melo Franco, N° 471 || Cambuquira / Centro - Minas Gerais / Brasil || 37420-000
Mail camara@camaracambuquira.mg.gov.br Phone (35) 3251-1486 // 3251-2323
Fax

(35) 3251-1486 // 3251-2323